RECEVIN

Rede Europeia das Cidades do Vinho

 

Logotipo Recevin

 

A Recevin – Rede Europeia das Cidades do Vinho surgiu em 2009 com o intuito de defender, a uma só voz, os interesses dos territórios cuja economia e cultura estão fortemente associadas ao vinho e criar uma plataforma para processos de transferência de conhecimentos, contatos e parcerias.

A Recevin conta com o apoio das associações nacionais de cidades do vinho presentes na maioria dos países membros da Rede – Alemanha, Áustria, Bulgária, Eslovénia, Espanha, França, Grécia, Hungria, Itália, Portugal e Sérvia – e que se traduz na força de cerca de 700 cidades de toda a Europa.

A AMPV detém atualmente a presidência desta Rede de Cidades do Vinho, através do município associado de Reguengos de Monsaraz.

www.recevin.eu

↑ topo

ARVP

Associação das Rotas dos Vinhos de Portugal

 

 

A Associação das Rotas dos Vinhos de Portugal (ARVP) foi constituída no dia 6 de maio de 2014 e resultou de um projeto impulsionado pela AMPV, com o objetivo de fomentar um turismo de vinho de qualidade, baseado numa promoção integrada das Rotas do Vinho. 

A AMPV deu início ao Projeto de Modernização e Reestruturação das Rotas do Vinho em 2008, inicialmente denominado por WineTour. O projeto foi desenvolvido tendo em conta o pressuposto “pensar globalmente, agir localmente” e com o intuito de preservar a qualidade dos vinhos, das vinhas, do terroir e da identidade cultural, assim como de alavancar toda a economia ligada ao vinho e respetivo potencial endógeno. 

www.rotadosvinhosdeportugal.pt

↑ topo

AMETUR

Associação Mundial de Enoturismo

Pensar e promover o turismo do vinho a nível mundial

A nteriormente designada de Aenotur - Associação Internacional de Enoturismo, a  associação ganhou um carácter mais global, passando a designar-se de Ametur – Associação Mundial de Enoturismo. É uma entidade internacional centrada no desenvolvimento e promoção do enoturismo a nível mundial. Foi criada em 2014, no município de Cambados (Espanha), capital espanhola do vinho Alvarinho e promotor de uma das primeiras Rotas do Vinho com a certificação de qualidade, a “Ruta del Vino de España”.

Nasce com uma visão internacional, convidando a participar entidades de diferentes países (Portugal, Argentina, Brasil, Espanha, Itália ou França).

A Ametur tem como principal objetivo impulsionar a promoção do enoturismo a nível internacional, interligando 500 cidades do vinho em todo o mundo.

É formada por municípios e entidades gestoras na área do turismo vinculado à cultura do vinho, assumindo-se como uma rede colaborativa de profissionais, fazendo da Ametur um observatório internacional do enoturismo. Atualmente está representada em sete países: Portugal, Espanha, França, Itália, Argentina, Brasil e Uruguai. 

Um dos principais eventos que promove é um congresso internacional sobre enoturismo. 

A AMPV foi um dos sócios fundadores da Ametur.

↑ topo

ITER VITIS

Os Caminhos da Vinha

A Iter Vitis é uma associação internacional criada em 2007, em Itália. Tem como principais objetivos promover a proteção e valorização da paisagem associada à produção vitícola como ferramenta de desenvolvimento sustentável, ao serviço do território e dos seus atores, sendo ainda o elemento de identidade europeia e o testemunho de um saber-fazer milenar.

 

 

O Projeto Iter Vitis – Os Caminhos da Vinha foi reconhecido como Itinerário Cultural pelo Conselho da Europa, em 2009, e representa uma nova visão e uma nova proposta para viajar pela Europa, promovendo a oferta de um enoturismo centrado nas paisagens, nos vinhedos, na cultura e nas pessoas dos próprios locais.

A AMPV detém atualmente a vice-presidência desta associação internacional.  

www.itervitis.eu

↑ topo

RETECORK

Rede Europeia de Territórios Corticeiros

 

 

A Retecork – Rede Europeia de Territórios Corticeiros foi formalmente constituída em 2007 e atualmente é composta por mais de 50 sócios da Espanha, Portugal, Itália e França.

A associação assume-se como uma plataforma para o conhecimento, promoção e desenvolvimento da cultura da cortiça, com vista ao desenvolvimento económico-social dos territórios e a uma maior valorização e promoção do legado cultural e patrimonial vinculado a esta atividade.

www.retecork.org

↑ topo

FEDERAÇÃO portuguesa DE TURISMO RURAL

A Federação Portuguesa de Turismo Rural foi constituída em maio de 2013, em Idanha-a-Nova, e surgiu no culminar de uma longa reflexão de um conjunto de pessoas e de organizações representativas de todo o território nacional (continente e ilhas), no sentido da afirmação de um setor que pode contribuir para a coesão do território, para o turismo e para a economia nacional.

 

 

Além da valorização do setor em Portugal, a Federação pretende contribuir para a criação de uma orientação nacional que permita estabelecer programas, protocolos e ações integradas de promoção nos mercados internacionais.

www.visitportugalrural.com

↑ topo

parceiros

2021 · Associação de municípios Portugueses do Vinho · Todos os direitos reservados.